Natal

Álvaro Dias recebe representantes do Trade e determina ações imediatas na orla

O prefeito Álvaro Dias (MDB) se reuniu com representantes do Trade Turístico potiguar, na sede da prefeitura, na manhã da última quarta-feira, 15, e determinou uma série de providências para atender aos pedidos feitos pelo empresariado. Na pauta do encontro, solicitações por ampliação da fiscalização de comércio irregular na orla de Natal, publicidade ilegal, melhorias na iluminação, limpeza, entre outros. O próprio prefeito visitou áreas apontadas como críticas ao lado dos empresários.

Considerada como principal atividade econômica da capital, o turismo vem recebendo atenção especial da gestão. Os representantes do Trade, liderados por George Gosson, presidente da Câmara de Turismo do Rio Grande do Norte, apresentaram uma pauta de solicitações com itens de providência imediata e outros de estruturação do turismo local.

Gosson reuniu pedidos como ampliação da limpeza da praia, dos banheiros públicos, melhorias na iluminação, fiscalização quanto a presença de comerciantes irregulares, publicidade ilegal, sinalização, trânsito, engorda e enrocamento da praia, desratização e urbanismo.

O prefeito Álvaro Dias, acompanhado dos secretários das pastas de Turismo, Obras, Serviços Urbanos, Meio Ambiente e Mobilidade, determinou, aos órgãos, ações imediatas para atendimento aos pleitos que considerou urgentes. “O Turismo é motor da nossa cidade, temos que ter atenção total às necessidades do setor”, comentou. O gestor municipal determinou que sejam reforçadas as ações de fiscalização de irregulares na orla, ampliação da fiscalização de trânsito, coibindo estacionamentos irregulares e circulação de veículos em áreas não permitidas como o calçadão, em Ponta Negra, por exemplo. “Vamos contar com o reforço da Guarda Municipal nessa fiscalização”, disse.

Os trabalhos de limpeza serão ampliados e acelerados nas áreas de orla, desde a Redinha até Ponta Negra. “Temos uma Lei que prevê multa ao cidadão que coloca entulho. Vamos avaliar a questão da regulamentação o mais rápido possível. Não pode continuar como está”, explicou o prefeito.

Entre os pedidos feitos pelo Trade estão também questões como a retomada do debate sobre o uso da área non aedificanti de Ponta Negra, engorda da praia e a discussão legislativa em torno das ZETs, ZPA e Plano Diretor. “A nossa intenção é contribuir com a gestão municipal e com o turista, que sustenta nosso negócio e que é a principal fonte de renda da cidade”, justificou George Gosson. Luís Lacerda, presidente em exercício da Fecomércio complementou: “Estamos à disposição do segmento e da Prefeitura para resolver os gargalos nessa área importantíssima para a cidade”.

O secretário de governo Kléber Fernandes considerou o encontro importante para a resolução dos problemas enumerados pelo Trade. “São pedidos e reinvindicações plausíveis e possíveis, mas para isso precisamos criar uma força tarefa dos empresários, representantes do segmento e a Prefeitura”, analisou. “Vamos ter que ter pulso firme no comando dessas ações. Precisamos muito que o prefeito esteja à frente dessa mobilização pela modernização da nossa cidade”, acrescentou o vereador Felipe Alves, membro da Comissão de Turismo da Câmara Municipal de Natal.

Além das providências imediatas e da visita às áreas, o prefeito Álvaro Dias ainda programou reuniões periódicas com os representantes do Trade, como forma de avaliar os avanços na área. “Precisamos ter esse contato até para que vocês possam ter a noção do nosso trabalho e nos ajudar no que for possível. Estamos aguardando a liberação da verba federal para que possamos dar continuidade a obra de enrocamento e engorda da praia, o que deve acontecer em breve. Não estamos medindo esforços para isso”, disse.

De acordo com o secretário de Obras, Tomaz Neto os serviços irão se estender até a altura do Hotel Ocean Palace. “Nosso projeto vai até aquela área, porque temos a limitação de competência em relação a trabalhos na Via Costeira”, explicou.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com