Notícias

Locutor diz que desistiu de votar em Styvenson por ele ser “arrogante” e “prepotente”

Deu no Agora RN:

O radialista Alisson Amaral, conhecido como Alisson Cajuru de Jucurutu, gravou vídeo na última quinta-feira, 27, afirmando que desistiu de votar em Styvenson Valentim (Rede) para o Senado após constatar “arrogância” e “prepotência” dele ao entrevistá-lo numa rádio. O vídeo gravado pelo comunicador viralizou nas redes sociais.

Na gravação, Alisson pede desculpas aos amigos e se justifica. “Quero pedir desculpas a alguns amigos de Jucurutu porque já tinha declarado meu voto em Styvenson. Hoje o capitão esteve em nosso programa e eu pude ver algumas atitudes dele que mudaram meu pensamento”.

De acordo com o radialista, Styvenson se mostrou arrogante e prepotente durante a conversa. “Só que depois da entrevista que vi hoje, mudei meu voto. Fiquei preocupado com certa prepotência e arrogância dele em dizer que não quer nada com ninguém”, explica.

O locutor contou que durante a entrevista, Styvenson se exaltou após uma pergunta de seu colega de trabalho. “Uma certa arrogância. Quando meu companheiro fez uma pergunta sobre uns áudios dele da polícia, ele se alterou, quis mostrar uns papéis. Ninguém faz nada sozinho. Estou fazendo esse vídeo para dizer que tenha cuidado com esse negócio de dizer que não quer nada com ninguém”, alertou o comunicador.

Amaral, por fim, comparou o comportamento de Styvenson aos do prefeito e vice de Jucuturu, indicando que, assim como Styvenson, eles surgiram na política por causa da iniciativa popular, mas que hoje rechaçam o discurso que tinham de melhorar a cidade junto ao povo.

“O Brasil é governado por três poderes. Como é que você diz que não quer nada com ninguém. Tiro pelo minha cidade, onde o prefeito [Valdir Medeiros] e o vice [José Pedro] tinham o mesmo discurso e a cidade está como está, parada no tempo”, conclui.

Veja o depoimento do radialista na íntegra:

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com