A notícia na íntegra | por Gláucia Lima

domingo

14

junho 2015

0

COMENTÁRIOS

Homem diz que matou esposa PM após ver fotos de traição em celular

Por , em Feminicídio

O homem de 27 anos que confessou ter matado a esposa, a policial militar Larissa Santos Velasco, de 21 anos, disse em depoimento à Polícia Civil de Leme (SP) que cometeu o crime após encontrar fotos de uma suposta traição no celular dela. Gleizer Nunes Velasco, que teve a prisão temporária decretada, ainda disse que a matou estrangulada após levá-la ao canavial onde o corpo foi encontrado.

A Polícia Civil não revelou detalhes do depoimento, mas informou que o homem alegou que encontrou fotos comprometedoras no celular da esposa, que revelariam uma suposta traição. O conteúdo e a veracidade das imagens ainda não foram confirmadas.

Ainda em depoimento, ele disse que após a descoberta levou a esposa até um canavial. No local, após discutirem, eles entraram em luta corporal e ele a matou estrangulada. Em seguida, ele cobriu o corpo com restos de cana e mato.

Após as declarações, ele foi levado para a Cadeia de Pirassununga. A polícia não informou por quais crimes ele deve responder. Ainda não há informações sobre o local e horário do velório e enterro de Larissa.

G1

Deixe seu recado através do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *