Rio 2016

Paralimpíada acrescenta guizos dentro de medalhas para dar experiência sensorial aos atletas com deficiência visual

Atletas com deficiência visual agora podem “ouvir” suas medalhas conquistadas na Paralimpíada 2016. Pela primeira vez, o evento acrescentou pequenas esferas ou guizos no interior das medalhas paralímpicas. A ideia é oferecer experiência sensorial aos atletas com deficiência visual, segundo informou o evento.

Quanto mais valiosa a medalha, maior número de guizos. A de ouro contém 28 guizos, enquanto a de prata tem 20 e, a de bronze, 18 guizos.

Além das pequenas esferas que emitem som ao serem chacoalhadas, as medalhas também têm escritos em braille.

A delegação paralímpica brasileira está dando um show nas arenas, estádios e ginásios. Até a manhã desta segunda-feira (12), o Brasil conquistou 24 medalhas, sendo sete de bronze, 11 de prata e seis de ouro, ficando na 5ª posição no ranking geral de medalhas.

A expectativa do CPB (Comitê Paralímpico Brasileiro) é que o País termine a competição em quinto lugar no quadro de medalhas.

o-medalhas-paralmpicas-570