A notícia na íntegra | por Gláucia Lima

sexta-feira

27

outubro 2017

0

COMENTÁRIOS

Senado espanhol aprova intervenção após Catalunha declarar independência

Por , em Mundo

SENADO ESPANHOL

O Senado espanhol aprovou nesta sexta-feira (27) a aplicação do artigo 155 da Constituição, que dispõe sobre a intervenção em uma região autônoma do país. Foram 214 votos a favor e 47, contra. A decisão ocorreu logo após o Parlamento regional da Catalunha aprovar o início do processo de independência da região.

A atual crise política foi desencadeada após a realização de um referendo considerado ilegal pelo governo e pela Suprema Corte espanhóis. Na consulta popular de 1º de outubro, 90% dos votantes foram a favor da independência (2 milhões de pessoas, ou 43% do eleitorado catalão).

Com o resultado favorável à independência, o presidente regional catalão, Carles Puigdemont, declarou no dia 10 no Parlamento local que a região ‘ganhou o direito de ser independente e em seguida suspendeu seus efeitos para negociar com Rajoy.

A atitude deixou dúvidas sobre se houve uma declaração de independência e fez com que Rajoy exigisse um esclarecimento formal de Puigdemont. Como não houve resposta, o premiê espanhol propôs no dia 21 intervir no governo regional.
Artigo 155

A aprovação ocorreu nesta sexta. O artigo 155 é a ferramenta mais extrema disponível ao governo espanhol para intervir em uma região autônoma (e, neste caso, barrar o processo de independência da Catalunha). Ele nunca tinha sido ativado, desde a promulgação da Constituição espanhola de 1978.
G1

Deixe seu recado através do Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *